MC Bigô - Tentando Enganar o Amor | Músicas de funk 2014 / 2013

procurar funks

Carregando...

quinta-feira, 21 de março de 2013

MC Bigô - Tentando Enganar o Amor

Galera, essa música é pesada demais, tinha tempo que eu nao via uma letra tão foda como essa, na moral. Vejam o clipe oficial (que tá muito bom) e ouçam a música com atenção porque tá muito louca, melhor funk do ano!



Se você gostou dessa música de funk, continue lendo e veja a letra completa e o link pra fazer download.

Letra da música Tentando Enganar o Amor

A novinha que colava com os irmãos
Patricinha com o pai cheio de milhão
Outra vez o coração se enganou
Tentando enganar o amor

(aqui não tem mais criança)
(aqui não tem mais criança)

Filha de empresário fechava com os vida louca
Sem perceber que armava sua própria forca
Se afundando no mundo das drogas ela vai
Engravidou sem saber quem era o pai
E ela deixou nascer por curiosidade
E ele completa 5 anos de idade

Logo falou "Essa vida de mãe não é pra mim"
Abandonou na rua sem prever o fim
E o moleque na favela foi criado
Por muitos ao seu redor considerado

Sonhando em dar a volta por cima
E encontrar a luz no meio da neblina
O tempo passa e o menor virou linha de frente
Dinheiro fácil com o tráfico de entorpecentes
Eu não pago pra ver
Pergunto deus, qual vai ser?

A novinha que colava com os irmãos
Patricinha com o pai cheio de milhão
Outra vez o coração se enganou
Tentando enganar o amor

Noite de sexta-feira, ele tava no arrebento
Surgiu um carro e ele ficou mais atento
A porta abre, e de repente ele se impressionou
Primeira vez que ele se apaixonou

Ela aproxima do guerreiro e logo diz
Quero uma neve pra entupir o nariz
Ele fornece e logo dá um beijo em sua mão
Caiu na rede ta na mira do patrão

Já envolvida ela logo se entrega
O tempo passa e ele vai morar com ela
A vida é sempre assim
Nunca prevemos o fim

Malicioso põe um plano em ação
Tudo que é dela, em breve tá na minha mão
Da minha vida, ninguém teve compaixão, não

E na manhã seguinte, o plano foi fatal
Foi constatada uma morte natural
Objetivos desejados alcançados
Todos os bens ao seu nome foram passados

Logo pensou "o que vai ser daqui pra frente"
De favelado, transformado em costa quente
Quando menor o meu desejo era um pão
Agora vivo rodeado de milhão

Parei pra ver o álbum de fotografia
O mundo então parou pra mim naquele dia
Olhando as fotos foi que eu me arrepiei
Pois foi minha mãe que eu matei

A novinha que colava com os irmãos
Patricinha com o pai cheio de milhão
Outra vez o coração se enganou
Tentando enganar o amor

(aqui não tem mais criança)
(aqui não tem mais criança)

2 comentários:

Funkeiros e funkeiras do meu Brasil brasileiro, fiquem à vontade para comentar, sugerir músicas, até mesmo criticar, mas comentários com palavrões e xingamentos serão apagados.
Os comentários são moderados, atenção para os erros de português por favor!